CURSOS PARA SEU APERFEIÇOAMENTO

A EJAP, sempre focada no aperfeiçoamento de carreiras dos colaboradores do TJAP, oferta mensalmente formações significativas para a constante melhoria do serviço prestado à sociedade.

Tendo como base uma visão político-educacional humanista, alicerçada na ética, a EJAP busca formar pessoas com saberes que visem competências que vão além da racionalidade técnica, e primem pelo despertar crítico e criativo do ser humano na práxis do trabalho!

Diretor-Geral
Desembargador ADÃO CARVALHO

Conselho Admin. Pedagógico - CAP
Desembargador ADÃO CARVALHO 
Desembargador Carmo Antônio de Souza
Juiz de Direito José Bonifácio Lima da Mata
Juiz de Direito Diego Moura de Araújo
Servidor Efraim Ferreira Guedes

Secretária Executiva
Dra. Camila Vieira

DIRETORIAS
Documentação e Informação 
Linaldo de Oliveira Sousa

 

Seleção, Treinamento e Formação  
Adriana de Souza Barbosa Pelaes

Secretaria
Administrativo-Pedagógica

Ângela do Socorro Paiva Martins
Marcos Wagner Queiroz Mendes
Maricleuma Banha Correa Alves

DEFINIÇÕES

FORMAÇÃO: Processo de desenvolvimento de um conjunto de conhecimentos e habilidades específicos a um determinado campo de atividade profissional.

APERFEIÇOAMENTO: processo de desenvolvimento profissional contínuo e de competências estratégicas e essenciais para a melhoria da prestação jurisdicional; 

COMPETÊNCIA: conjunto de conhecimentos, habilidades e atitudes necessárias ao desempenho das funções dos servidores, visando ao alcance dos objetivos estratégicos dos órgãos do Poder Judiciário;

Desenvolvimento de Competências: processo de aprendizagem orientado para o saber, o saber fazer e o saber ser, na perspectiva da estratégia organizacional;

RECURSOS EDUCACIONAIS: recursos didático-pedagógicos tais como tecnologias de informação e comunicação, objetos de aprendizagem, jogos educacionais, vídeos, animações e outros recursos multimídia e, também, produções teóricas e/ou acadêmicas como, por exemplo, artigos científicos, pesquisas, teses e dissertações;

UNIDADES DE FORMAÇÃO: escolas judiciais, universidades corporativas, escolas de servidores, academias judiciais, unidades de gestão e desenvolvimento de pessoas, entre outras que pertençam ao Poder Judiciário e desenvolvam ações de formação e aperfeiçoamento;

EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA: processo de aprendizagem interativo, tridimensional, de construção coletiva de conhecimento, com foco no aluno, mediado por tecnologias educacionais síncronas e/ou assíncronas.

NÍVEIS DE FORMAÇÃO OFERTADOS

A formação e o aperfeiçoamento dos servidores do Poder Judiciário serão desenvolvidos nas seguintes modalidades:

I – formação inicial;

II – formação continuada.

§ 1º A formação inicial refere-se ao desenvolvimento das competências necessárias para o desempenho das atividades inerentes às atribuições das unidades.

§ 2º A formação continuada refere-se ao desenvolvimento das competências necessárias ao longo da vida funcional do servidor e compreende:

I – ações educacionais de ordem técnica, gerencial e comportamental;

II – formação de multiplicadores; e

III – programas de pós-graduação lato e stricto sensu.